Leta Zen piit

(Hey, hey mama said the way you move Gon’ make you sweat, gon’ make you groove/ São Paulo 21 graus) Tenho escutado muito o Greta Van Fleet no rádio ultimamente. Estou escutando a Kiss FM direto aqui em Sampa há uma semana quando estou no carro. E passamos muito tempo dentro do carro aqui… então… porém eu não consigo ver o frescor que as pessoas falam, eu escuto Led Zeppelin e era isso.

20181230led

Semana que passou estávamos na galeria do Rock e topei com uma camisa com a letra de Black Dog, se você não sabe nada sobre essa música, pode parar de ler. Está desculpado. Se quiser dê uma busca  no Góglio. Entendo que quem gosta do gênero Rock, ache que é algo novo, uma novidade num meio que nos últimos 10 anos não surgiu nada de muito relevante.

Abaixo, The Ocean do Houses of The Holy do Led.

Talvez acharia, sinceramente muito bom, se não fosse tão parecido com Led Zeppelin. É melhor que muita coisa que escutamos, mas é uma simplificação da banda que surgiu no final dos anos 60, como algo realmente novo. Nem vou falar em relação ao talento dos músicos, guitarra/baixo/batera são visivelmente inferiores, fazendo com que o vocal destoe do resto.

Inclusive aí faço um “adendo”, em alguns momentos parece Robert Plant, em outros parece o Geddy Lee, do Rush. Banda que quando começou foi amplamente comparada com a inglesa, sendo chamada inclusive de Led Canadense.

No entanto, do segundo LP pra frente, o Rock do Rush se tornou mais denso, digamos, tornando-se um dos principais, senão o principal nome do progressivo. Que o Greta, não seja uma moda, tomara que o trabalho continue e no final das contas a discussão seja de o quanto eles ajudaram o Rock a voltar, e não o quão parecido é com a maior banda de todos os tempos do Rock n’ Roll. Abaixo uma do Greta Van Fleet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *